Blitz Cultural

Loretta Lynn

Para quem acha que só existem divas no pop, apresento-lhes Loretta Lynn. Com o número de anos de carreira e de prêmios maiores que trinta, a cantora e compositora country é hoje uma lenda. Nascida na pequena cidade americana de Butcher Hollow, em Kentucky, se casou aos 15 anos, engravidou pouco depois e iniciou-se no universo country aos 28. Tudo começou no aniversário de seis anos de casamento, quando seu marido a Loretta Lynnpresenteou com um violão e ele aprendeu sozinha a tocar.

Em 2010, Loretta completou 50 anos de carreira, que foram comemorados com “Coal Miner’s Daughter – A Tribute to Loretta Lynn”. Intitulado com o maior sucesso  da cantora, o tributo conta com regravações de seus sucessos feitas nas vozes de grandes nomes da atualide, como Miranda Lambert (uma das maiores da country music na atualidade). “O que eu digo que amo tanto na música country é que sempre é sobre a vida real, pessoas reais, problemas reais, amor e felicidade de verdade. Tudo é uma realidade na música country e Loretta é um exemplo perfeito disso. Ela escreveu sobre bons momentos, maus momentos, traição. É a epiderme do que é a música country. Ela é tão importante na música country, especialmente por ser por causa dela que eu tenho uma carreira.”, disse Miranda durante as gravações da homenagem.

Em “Coal Miner’s Daughter”, Loretta conta a história de sua vida, já que de fato era filha de um mineiro,  Melvin “Ted” Webb. Sendo assim, durante toda sua carreira, a música, além de ser a mais famosa e pedida, possuiu um significado mais do que especial, e ainda possui. Carrie Underwood, cantora que também participou do tributo, demonstrou sua grande admiração pela diva. “Ela ainda está fazendo música, ainda ama fazer e as pessoas ainda a amam. Ela é alguém em quem podemos nos moldar. Em nossas carreiras, é onde todos queremos estar. Não consigo me imaginar fazendo 50 anos de nada, quanto mais ainda ser relevante na música. E é incrível o que ela conseguiu conquistar e ainda está conquistando.”106928_lorettalynnselecionapratributotxjpg

Também famosa pelas roupas, sempre muito femininas e brilhantes, seu estilo com certeza será outro legado. Carrie Underwood, ainda falando da ídola: “Eu amo os brilhos e o glamour. Ela é, definitivamente, uma mulher que nos ensinou como se faz.”

Vencedora de quatro Grammys, a cantora é, tanto pelos fãs como pelos meros conhecedores, um mito consolidado. Um em 1972, por Melhor Performance de Vocal Country por uma Dupla/Grupo, “After the Fire Is Gone” (com Conway Twitty), um em 1997, quando entrou para o Hall a Fama da Música Country (a maior honraa de todas), e dois em 2005, de Melhor Álbum de Country por “Van Lear Rose” e Melhor Colaboração de Country com Vocais, com Jack White.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on March 10, 2013 by .
%d bloggers like this: